Simplesmente Lu

Abril 16 2011
 
mama - olhares.com

Traduzir-se

Uma parte de mim

 

é todo mundo:

 

Outra parte é ninguém:

 

fundo sem fundo.

   

uma parte de mim

 

é multidão:

 

outra parte estranheza

 

e solidão.

   

Uma parte de mim

 

pesa, pondera:

 

outra parte

 

delira.

   

Uma parte de mim

 

é permanente:

 

outra parte

 

se sabe de repente.

  

Uma parte de mim

 

é só vertigem:

 

outra parte

 

linguagem.

  

Traduzir-se uma parte

 

na outra parte

 

- que é uma questão

 

de vida ou morte -

 

será arte?

 

Ferreira Gullar

publicado por Luciane Barros Fiuza de Mello às 13:46


Lu,

Que legal o Ferreira Gullar né!? Grande poeta.
Tô com saudade de você e de nosso bate-papo.

Bjs!
Mari (pedra de alquimia) a 23 de Abril de 2011 às 02:08

oi, amiga. antes de mais nada, desculpa por ter esquecido de fazer a referência ao "Pedra". Um lapso... Vamos marcar, sim. Tb tô com saudades. Pode ser esta semana. Bjs!

mais sobre mim
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15

17
18
19
20
21
22
23

25
27
28
29
30


pesquisar
 
myspace views counter
blogs SAPO