Simplesmente Lu

Janeiro 17 2013

 

O espetáculo “La Bayadère”, resultado da sétima edição do Workshop de Ballet Clássico de Repertório da Amazônia, será apresentado no Theatro da Paz na sexta (18) e no sábado (19), às 20 horas. Participam da montagem, aproximadamente, 70 bailarinos da capital, do interior e de outros Estados, que mostrarão em gestos e movimentos a romântica história de Sólor e Nikiya, toda ambientada na Índia. A direção geral do espetáculo é de Ana Rosa Crispino, diretora da Ballare Escola de Dança, e os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do teatro.

 

No domingo (20), às 11 horas, acontecerá uma sessão especial, onde o ingresso vale 2 quilos de alimentos não perecíveis. Os alimentos serão doados para instituições de caridade e a troca poderá ser feita até sexta-feira, no prédio da TV Liberal (Avenida Nazaré, 350), no horário comercial. A sessão beneficente conta com o apoio da TV Liberal e da Cia de Arte Produções.

 

A montagem completa da peça de três atos é uma realização da Ballare, com remontagem coreográfica dos professores convidados Ronaldo Martins (RJ) e Rachel Ribeiro (RJ), bailarinos solistas do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Os professores também estiveram à frente das aulas do workshop, iniciado no dia 7 de janeiro.

 

O balé que os alunos do curso apresentarão conta a história dramática de amor entre um jovem guerreiro e de a dançarina de um templo brâmane. No elenco, estão bailarinos de Belém, do interior do Pará (Ananindeua, Altamira, Mãe do Rio e outros) e de outros Estados, como Rio de Janeiro, Ceará, Rio Grande do Norte, Amapá e Amazonas, além de atores paraenses convidados, como Thiago Losant.

 

A participação de bailarinos de todo o Brasil é resultado do sucesso que o Workshop tem conquistado a cada edição, sendo considerado, hoje, o maior curso de férias de balé clássico do Norte e do Nordeste do Brasil.

 


MAGIA - “La Bayadére” tem coreografia original de Marius Petipá e foi montado pela primeira vez em 1877, no Teatro Mariinsky,em São Petersburgo. A música de Ludwig Minkus é envolvente do início ao fim, alternando momentos de magia e de forte impacto.

 

Os participantes selecionados para os papéis de primeiros bailarinos, solistas e corpo de baile foram avaliados durante o curso, segundo critérios técnicos e interpretativos. Já a produção do espetáculo foi realizada pela equipe da Ballare e demais profissionais paraenses das áreas de cenário, figurino, sonoplastia e iluminação.

 

La Bayadèrejá foi mostrado pela escola em 2004, 2005 e no ano passado, com remontagens feitas por Ana Rosa Crispino, com bailarinos convidados, o alemão Soren Niewelt e Vitor Luiz, do Rio de Janeiro. Segundo a diretora, as aulas do Workshop e o processo de montagem do balé proporcionam o aperfeiçoamento técnico e interpretativo dos bailarinos, atendendo as exigências dos grandes balés de repertório.

 

A Ballare já remontou, com sucesso, outras peças conhecidas, entre elas, a versão completa de “Dom Quixote”, “La Bayadère”, “Giselle”, “Paquita”, “Coppélia” e o “O Quebra-Nozes”, além trechos de “A Filha do Faraó”, “Lê Sylphides”, “La Fille MalGardèe”, “O Lago dos Cisnes” e “Esmeralda”.

 

Com quase 12 anos de existência, a Ballare também tem buscado mostrar a dança para os mais diversos públicos, a fim de contribuir com o fomento artístico-cultural da arte desenvolvida no Estado do Pará. Ana Rosa Crispino conta que já realizou espetáculos beneficentes reservados para escolas públicas, ONGs, entidades filantrópicas e instituições afins, com o intuito de divulgar a arte do Balé Clássico para crianças, adolescentes e adultos atendidos por estas instituições, dando oportunidade para que estas pessoas assistam montagens completas de famosas peças do repertório clássico mundial.

 

SERVIÇO: Espetáculo “La Bayadère”, resultado do VII Workshop de Ballet Clássico de Repertório da Amazônia, realizado pela Ballare Escola de Dança. No Theatro da Paz, na sexta (18) e no sábado (19), às 20 horas, e no domingo (20), às 11 horas (sessão beneficente). Os ingressos para os dias 18 e 19 custam R$ 30,00 e podem ser adquiridos na bilheteria do Theatro da Paz, com meia-entrada para estudantes.  Para a sessão beneficente de domingo, os ingressos poderão ser trocados por 2kg de alimentos não perecíveis, até sexta-feira (18), no horário comercial, no prédio da TV Liberal (Av. Nazaré, 350). Apoio: TV LIBERAL e Cia de Arte e Produções.

 

Mais informações nos telefones (91) 3241 3182 e (91) 84084707.

 

FOTOS - MANOEL PANTOJA

TEXTO - LUCIANE FIUZA  

 

Ascom/Ballare 

publicado por Luciane Barros Fiuza de Mello às 13:43
Tags:

mais sobre mim
Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
18
19

20
21
22
23
24
26

27
28
29
30
31


pesquisar
 
myspace views counter
blogs SAPO